Flamengo pode ter ataque mais positivo desde ‘Era Zico’ - Mídia Notícias

Mais vistas

Pesquisar este blog

Arquivo do blog

Seguir por Email

Publicidade Rede Criativa

Comentários

recentcomments

Destaques

Sobre

Notícias que estão na Mídia. Curiosidades, Saúde, Entretenimento, Esporte e Muito Mais.

Adsense 728

Flamengo pode ter ataque mais positivo desde ‘Era Zico’


Invicto até o momento na temporada, o Flamengo tem um grande desafio pela frente neste final de semana. A equipe de Zé Ricardo encara o Botafogo, no estádio Nilton Santos, em partida válida pelo Campeonato Carioca. Mais do que os três pontos e a manutenção da boa fase, o Mengão pode quebrar um recorde que se mantém desde os tempos que o Zico ainda vestia a camisa do clube.
Até o momento, em quatro partidas, Diego e companhia já balançaram as redes em 13 oportunidades, 11 pelo Campeonato Carioca e duas pela Primeira Liga. O feito já igualou a marca do Flamengo de 1986, que ainda tinha nomes campeões da Libertadores e do Mundial de Clubes em 1981, época de glórias para o Flamengo. Porém, em caso de uma vitória por três gols de diferença, o Rubro-Negro pode alcançar também a equipe de 1982. Este time foi responsável por 16 gols nas cinco primeiras partidas oficiais. Ambos os grupos tinham Zico como sua principal estrela.
Os dados são referentes às partidas oficiais do Flamengo em 2017. No início do ano, o Mengão realizou um amistoso com o Vila Nova-GO, e acabou derrotado por 2 a 1. Com a artilharia bem distribuída, o time carioca de 2017 tem como principal matador o peruano Paolo Guerrero, autor de quatro gols. Enquanto as campanhas de 1986 e 1982 tiveram Bebeto com cinco, e Zico seis gols, como goleadores nas quatro primeiras partidas respectivamente.
O trio de frente da equipe é formado por Guerrero, Everton e Mancuello. Porém, com as contratações do colombiano Orlando Berrío e Dario Conca, a tendência é que o meio-campo ofensivo do time carioca sofra alterações e que ‘Manco’ perca a posição que conquistou aberto pelo lado direito.
Fonte: Fox Sports/Foto:Arte/FOX Sports

Esporte

Postar um comentário:

0 comments: